Entrevista do Prof. Luiz Marins

No último dia 17/09/2007, assisti ao programa Tribuna Independente, transmitido ao vivo pela Rede Vida. O entrevistado foi o Prof. Marins, antropólogo e consultor empresarial. Segue o registro de alguns comentários feitos por ele ao longo do programa e que é útil para o nosso dia-a-dia nas organizações:

 

– Consequências para prazos não cumpridos devem ser severos!

Situação: Gerente solicita a dois colaboradores a geração de um relatório para segunda e eles devem trabalhar no fim de semana. Um deles executa o trabalho e o outro informa ao colega que não vai executar e vai dar uma desculpa na segunda. Na segunda, o que não fez fala com o gerente e muda a data para a quarta. O que fez e entregou na data recebe a informação do gerente que não é mais necessário aquela data, pois o relatório dele depende do outro e ele deverá entregar junto com o outro na quarta. Com isso, o gerente não valorizou o que se esforçou e penalizou aquele que fez o trabalho conforme o previsto.

– Foco nas Idéias! Não adianta ter várias idéias e não realizar nenhuma. Definir apenas uma e manter foco.

– Quando somos crianças, temos o hábito de ser levado a fazer o que gostamos. Quando somos adultos, ao invés de procurar o que gostamos, devemos investir em aprender a gostar do que faz. "Não tenha ilusão de sucesso sem esforço".

– Os profissionais mais antigos normalmente são mais desiludidos, não acreditam na empresas. O objetivo é resgatá-los! Mas deve haver coerência entre o que é dito e a prática.

 

O programa também abre um espaço para que o telespectador envie perguntas. Aproveitei a oportunidade e fiz a seguinte:

Prezado Prof. Marins,

fui recentemente promovido à função de coordenador da área de desenvolvimento de projetos de software no departamento de tecnologia na empresa onde trabalho. Meu grande desafio é definir as metas de uma equipe de 15 pessoas e avaliar o desempenho de cada uma delas. Como fazer isso, de maneira que todos os colaboradores sejam avaliados da forma mais justa possível, evitando desmotivações na equipe?

Muito obrigado pela atenção.

Alércio Bressano

Aracaju – SE

 

Abaixo, transcrevo a resposta dada por ele:

 

Para cada colaborador, pegar uma folha do papel e listar o seguinte:

* Pontos Fracos

* Pontos Fortes

* Salario / Cargo / Tempo de Empresa

* O que você espera da pessoa (informar isso de forma clara e direta)

E você como líder, deve fazer com que cada liderado também fale como te vê (pontos fortes e fracos e o que ele, como subordinado, espera de você para que ele possa cumprir o que você quer dele).

 

 

 

Por Alércio Bressano

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: